terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Capítulo 20

Capítulo 20



No capítulo anterior...

Autora off, Selena on.

Eu estava no meu quarto, deitada, olhando pro e-mail de Miley, mas definitivamente, eu não enxergava nada. Minha vista estava totalmente embaçada, com lágrimas. Eu até hoje não conseguia acreditar no que tava acontecendo.

Meus pensamentos são cortados por minha mãe.

Mandy: FILHA, O GREGG TA AQUI, MANDEI ELE SUBIR.

*****************************

Fui no banheiro correndo e lavei o rosto, mas meus olhos continuaram inchados. Fechei meu notebook e esfreguei os olhos, na tentativa de tentar fazê-los ficar menos vermelhos, mas quando vi a cara de Gregg na hora que ele entrou, percebi que minha tentativa tinha sido fracassada.

Gregg: Selena, o que aconteceu?

Selena: Nada... ér... não é nada, eu só. – Ele veio até mim e me abraçou. Daí comecei a chorar em seu ombro e o abracei muito forte.

Ele separou o abraço. Segurou meu rosto com suas mãos e tentou me acalmar.

Gregg: Hey, não fica assim. Vem senta aqui. – Nós assentamos na minha cama e ficamos ali conversando. Era bom tê-lo de volta, depois de todo esse tempo afastada. Eu sabia que era impossível, mas eu tinha que tentar continuar minha vida sem Miley.

Selena off, Miley on.

A vida fora de Los Angeles ficava cada vez mais difícil. Eu não consegui me adaptar a escola nova, afinal, tinha mudado pra lá na reta final. Era horrível pensar em ficar sem meus amigos, era horrível estar sem eles, estar sem ninguém pra conversar. Eu não quis fazer amizade com ninguém, se eu não tinha Nick eu não tinha nada. Meus dias eram monótonos, sem graça e eu passava longas horas chorando. E para os que dizem que o tempo toma  conta da dor estão enganados, o tempo só me fazia perder mais as esperanças de reencontrar meus amigos. Sim, quando eu fizesse 18 anos eu seria independente, mas até lá eles já teriam se esquecido de mim... talvez não, mas eu sei que eles teriam seguido suas vidas e acostumado a viver sem mim ao lado deles. Mas isso é o que eu mais desejo pra eles, não quero que sintam dor por minha causa e quero que eles sigam adiante, coisa que eu nunca vou conseguir fazer! Era horrível ficar pensando assim, mas eu não conseguia desviar meus pensamentos disso, era a única coisa que se passava pela minha mente. Eu tinha vontade de morrer e confesso, que cheguei a pegar a faca umas duas ou três vezes pra poder passar em meu pulso e acabar com isso de uma vez, mas uma coisa me impedia de fazer isso e eu não conseguia seguir com esse ideia maluca na cabeça. Mas minha vida estava com certeza arruinada. Eu e meu pai não conversávamos mais. Ele me monitorava 24 horas por dia. Ele tinha descoberto tudo sobre Woodson e a única pessoa que me restava também teve que ir embora. Wood foi um ótimo amigo, com suas palhaçadas. Ele com certeza foi a pessoa que mais me ajudou nessa vida, um anjo! Eu sempre me perguntava o porque de minha vida nunca poder ser feliz. Quando pequena, perdi minha mãe, cresci sem ela, sem nenhuma mulher em que eu pudesse me espelhar. Ficava vendo meu pai chorar pelos cantos e o meu único refúgio foi... bem, depois disso encontrei pessoas maravilhosas, mas por causa de uma doença, que até hoje meu pai não aceita que tenho tive que me afastar delas. Quando encontrei Wood tudo se resolveu e eu pude encontrar com meus amigos e descobrir o melhor sentimento do mundo: amor! Mas depois de um tempo a pessoa que mais me fez feliz destruiu tudo. Talvez Nick não me amasse de verdade... e queria acabar com tudo de uma vez. Só sei que nos últimos momentos que o vi na minha frente, foram os piores da minha vida. Eu não suportava mais não ter os abraços da Demi e os conselhos da Selena. As risadas da Tizz, as palhaçadas de Joe e Kevin... Não aguentava viver sem a atrapalhada da Nicole e sem a meiguice da Chelsea. Não aguentava ficar sem a Tiffany que muitas vezes manteu os pés de todas nós no chão. Eles eram a minha família, mas eu, principalmente não aguentava ficar sem Nick. Sem seus beijos, seu seus abraços, sem seu carinho. Talvez eu vim pra terra pra não ser feliz, talvez essa seja a minha meta.

Nesse momento eu já chorava muito até que fui cortada de meus pensamentos.

Billy: Você ta atrasada pra escola. Se arruma rápido vai! E lava esse rosto, nenhum deles merece suas lágrimas!

Abaixei a cabeça. Queria tomar uma banho, mas não tinha tempo. Lavei meu rosto. Coloquei um jeans claro, meu coturno e um moletom. Nessa cidade que minha cabeça recusava lembrar o nome, sempre fazia frio, meu pai queria mesmo acabar com a minha vida. Coloquei um cachecol e fiz um rabo de cavalo. Eu não tinha motivos pra ser vaidosa mais. Era raro quando eu resolvia passar um rímel. A única coisa que não saia de meu rosto era meu gloss, que era uma boa tática de não deixar meus lábios machucados por causa do frio!

Desci as escadas daquela casa enorme e sem graça.

Billy: Toma café logo que Leonard vai te levar.

Miley: To sem fome. – Leonard era o segurança que ia comigo pra todo lugar eu nunca tinha trocado uma palavra com ele. Ele era um homem alto, com os cabelos pretos e cacheados. Ele tinha o olho verde e a pele bem clara. Como todos naquele lugar. A cidade devia ter uns 5.000 habitantes e a minha escola era horrível.

Fui pra escola pensando nisso. Cheguei lá e tive mais um dia horrível. Meu celular tinha rastreador e eu só podia usar o computador de meu pai, e era pra fazer trabalho. De meu divo notebook rosa eu nem sabia mais. A senha do computador de meu pai ele nunca me contava.

Eu tinha exame de matemática, que claro, eu sabia tudo, afinal era orbigada a estudar todos os dias. Depois disso a aula foi como sempre, fora a parte que caí quando fui levar minha prova até a mesa do professor e todos lá riram de mim, bom, pelo menos eu posso fazer alguém rir né....

Meu único refúgio era quando eu ia embora , pegava meu violão e cantava...

CONTINUA...

Floreeees, bem, tenho que admitir que chorei MUITO escrevendo essa parte da Miley, me senti um monstro! Se pudesse voltar atrás, não postaria isso, but anyway... rsrs' OMG, gente!! Estou prestes a postar uma coisa... PREPAREM-SE E NÃO ME MATEM! xo

Niley love Niley: Tadinha mesmo... : (((((( xoxo amo vc!!

Mackenzie: Você é muito chata... eu dedico e você ainda reclara rsrs' mas eu te amo! Eu pensei MUITO em Forks kkkkkkk não sei... coitados mesmo! Eu paro mesmo, tenho que prender minhas leitoras!! beijinhos com gliter!

Bruna: Também tenho saudades deles juntos... não só na fic ~cry~  O JOE NUNCA DEIXA A DEMI... AAAAAAAAAAAAAAH ~cry again~ rsrs' AMO VC, BEIJEMI *-*

Lívia Vasconcellos: PENIIIIINHA MESMOOOOOOOOOOO!! AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH rsrs' bjinhos amo vc, flor!!

4 comentários:

  1. Tecnicamente vc não dedicou pra mim foi uma Makenzie sem C kkkkkkk Brinks, eu amei que vc dedicou pra mim ou pra outra mackenzie.
    OMG OQUE VC VAI FAZER? AAAAAAAAAAH POSTA AGORA! JÁ! NESSE MOMENTO! EU PRECISO SABER...
    AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH SÉRIO EU TO MORRENDO AOS POUCOS AQUI!
    POSTA, POSTA POSTA! Beijos com brigadeiro kkkkkk

    ResponderExcluir
  2. AHHHHH PENINHA MESMO DA MILEY, VOU CHORAR
    POSTA LOGO HEIN

    ResponderExcluir
  3. OH GOSH! VC ME QUER MATAR?!
    Eu ainda n comecei a ler bem a história, mas acho que vc me conhece.
    Bem, eu sou nova seguidora aquiii e vou começar a ler suas histórias *-*
    E QUANTO AO COMENTÁRIO DO CATCH ME, EU ME ASSUSTEI, PENSEI Q VC ME QUERIA MESMO MATAAAAAAAAR!
    Tem Twitter? Pode me passar?

    Love,
    Káá =)

    ResponderExcluir
  4. meu deus o que vai acontecer por q parou nessa parte????
    vai demorar pra miley voltar to com saudades
    rsrsr posta logo amore
    bjin.
    obrigado por me amar~jogada de cabelo~rsrs também te amo

    ResponderExcluir

Comentarioos *-* lindinhoos!